fbpx
Saúde & Bem Estar

Dra. Maria Fernanda fala dos cuidados bucais desde a infância

A falta de atenção com a saúde bucal na infância danifica os dentes decíduos, chamados popularmente de “dentes de leite”.
Infelizmente a cultura da prevenção não é algo tão discutido e esse cuidado sendo subestimado durante essa fase, acarreta em uma série de consequências.

Com a substituição por dentes permanentes ocorre em pouco tempo. O resultado dessa negligência pode ocasionar inúmeros problemas e diferente do que se imagina, a doença cárie, é apenas um deles.

A extração precoce dos dentes de leite traz grandes prejuízos à saúde da criança em longo prazo. Isso porque, além de guardar o espaço para os dentes permanentes, os dentes de leite exercem um papel fundamental no desenvolvimento dos ossos e músculos da face. Em outras palavras, eles também são importantes para a estética, ajudam na mastigação e garantem a pronúncia correta das palavras.

Resumidamente, a extração dos dentes de leite pode desencadear distúrbios fonéticos, má deglutição e falta de espaço para os dentes permanentes crescerem.

Vergonha de sorrir

Também há o risco da criança desenvolver problemas psicológicos, por sentir vergonha de sorrir e, claro, a dor causada quando a doença cárie se instala, gerando assim, absenteísmo escolar, alterações do sono, uma vez que, quando a doença se instala, pode causar dor e consequentemente, passar a apresentar dificuldade na socialização.

Quando se fala desse universo da infância também é fundamental lembrar que essa criança irá crescer e os maus hábitos de higienização bucal não reorganizados na fase certa normalmente são mantidos após o nascimento dos dentes permanentes.

Uma criança com saúde é o passaporte para um jovem feliz e um adulto consciente. A infância é a melhor fase de aprendizado para se adquirir bons hábitos para o futuro.

Falta de atenção com a saúde bucal

A falta de atenção com a saúde bucal na infância danifica os dentes decíduos, chamados popularmente de “dentes de leite”.
Infelizmente a cultura da prevenção não é algo tão discutido e esse cuidado sendo subestimado durante essa fase, acarreta em uma série de consequências.

Com a substituição por dentes permanentes ocorre em pouco tempo. O resultado dessa negligência pode ocasionar inúmeros problemas e diferente do que se imagina, a doença cárie, é apenas um deles.

Extração precoce dos dentes

A extração precoce dos dentes de leite traz grandes prejuízos à saúde da criança em longo prazo. Isso porque, além de guardar o espaço para os dentes permanentes, os dentes de leite exercem um papel fundamental no desenvolvimento dos ossos e músculos da face. Eles também são importantes para a estética, ajudam na mastigação e garantem a pronúncia correta das palavras.

Resumidamente, a extração dos dentes de leite pode desencadear distúrbios fonéticos, má deglutição e falta de espaço para os dentes permanentes crescerem.

Dificuldade na socialização.

Também há o risco da criança desenvolver problemas psicológicos, por sentir vergonha de sorrir e, claro, a dor causada quando a doença cárie se instala , gerando assim, absenteísmo escolar , alterações do sono , uma vez que quando a doença se instala , pode causar dor e consequentemente, passar a apresentar dificuldade na socialização.

Quando se fala desse universo da infância também é fundamental lembrar que essa criança irá crescer e os maus hábitos de higienização bucal não reorganizados na fase certa normalmente são mantidos após o nascimento dos dentes permanentes.

Uma criança com saúde é o passaporte para um jovem feliz e um adulto consciente. A infância é a melhor fase de aprendizado para se adquirir bons hábitos para o futuro.

Uma criança com saúde é o passaporte para um jovem feliz e um adulto consciente. A infância é a melhor fase de aprendizado para se adquirir bons hábitos para o futuro.

Rio Notícias

Adicionar comentário

Clique aqui para publicar um comentário

Clip da Semana