fbpx
Blog do Rio Noticias do Rio

Fórum discute sustentabilidade da cidade e de comunidades do Rio

Evento on-line promovido pelo Sesc RJ integra o Circuito Urbano, agenda de eventos chancelada pela ONU que joga luz sobre soluções sustentáveis para as cidades. Projeto de captação de energia solar nas comunidades da Babilônia e Chapéu-Mangueira estão entre os cases que serão apresentados.

RIO DE JANEIRO – O Sesc RJ realiza nesta sexta-feira (30/10) o Fórum Cidades e Comunidades Sustentáveis, evento on-line onde especialistas discutirão temas como agricultura urbana e construções sustentáveis de baixo custo e também apresentarão experiências práticas e bem-sucedidas nesses quesitos. Os debates, que se iniciam às 9h30 e se estendem ao longo do dia, serão transmitidos pelo YouTube e Facebook do Sesc RJ. Também podem ser acompanhados pelo YouTube do Circuito Urbano, uma agenda de eventos sobre o assunto chancelada pelo Programa das Nações Unidas para os Assentamentos Humanos (ONU-Habitat).

Quem abre a programação, às 9h30, é Valdirene Militão, moradora da Maré e Educadora Social do Programa de Desenvolvimento do Campus Fiocruz Mata Atlântica (PDCFMA/Fiocruz). No painel “Agricultura urbana”, ela falará sobre soberania alimentar e nutricional, economia dos setores populares e hortas em quintais e lajes de comunidades. A profissional debaterá com a gestora ambiental Angélica Soares, coordenadora de projetos do Prato Verde Sustentável e doutoranda em Planejamento e Uso dos Recursos Renováveis. Também participam da conversa os analistas de Projetos Sociais do Sesc RJ, Daniela Almeida e Elvio Kamiyama. 

Às 11h, começa o painel “Construções sustentáveis e de baixo custo”, com Eduardo Ávila e Leandro Toledano. O primeiro é diretor executivo da Revolusolar, organização que criou um modelo energético acessível com base em energia solar nas favelas da Babilônia e Chapéu Mangueira, Zona Sul do Rio. O segundo é CEO da BioMovement, distribuidora exclusiva da HomeBiogas no Brasil. A tecnologia israelense para biodigestores, presente em mais de 100 países, permite transformar resto de comida e fezes em energia renovável e segura. Mauro Rezende e Daniel Pereira, analistas de Sustentabilidade do Sesc RJ, também integram o painel.

O terceiro e último painel – “Desenvolvimento Sustentável em Comunidades” –, às 15h, contará com a participação de Clara Ferraz, coordenadora de Desenvolvimento Institucional da ONG Comunidades Catalisadoras (ComCat). Entre os projetos executados está o Rede Favela Sustentável, que congrega e promove a expansão de iniciativas comunitárias que fortaleçam a sustentabilidade ambiental e a resiliência social nas comunidades do Rio. Clara Ferraz vai interagir com a analista de Projetos Sociais Luiza Oliveira, e com a analista de Sustentabilidade, Nathallia Miranda, ambas do Sesc RJ.

SERVIÇO

Fórum Cidades e Comunidades Sustentáveis / Circuito Urbano (ONU-Habitat)

Dia 30/10/2020 – A partir das 9h30

Transmissão: YouTube (@portalsescrio) e Facebook (@SescRJ)

Retransmissão pelo YouTube do Circuito Urbano

Realização: Sesc RJ

PROGRAMAÇÃO

9h30 – Painel 1: Agricultura Urbana

Valdirene Militão (PDCFMA/Fiocruz)

Angélica Soares (Prato Verde Sustentável)

Elvio Kamiyama (Sesc RJ)

Daniela Almeida (Sesc RJ)

11h – Painel 2:  Construções sustentáveis e de baixo custo

Eduardo Ávila (Revolusolar)

Leandro Toledano (BioMovement/HomeBiogas)

Mauro Rezende (Sesc Barra Mansa)

Daniel Pereira (Sesc Madureira)

15h – Painel 3: Desenvolvimento Sustentável em Comunidades

Clara Ferraz (Comunidades Catalisadoras-ComCat)

Luiza Oliveira (Sesc RJ)

Nathallia Miranda (Sesc RJ)

Rio Notícias

Adicionar comentário

Clique aqui para publicar um comentário

Clip Pedro Mahal

Clip Caio Batalha

GeraLinks - Agregador de links